Bolsonaro aposta em vacinação acelerada para sair da crise

Manaus-AM |

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido), neste domingo (28) durante reunião com líderes do Congresso e ministros, definiu que para sair da crise da pandemia a solução é uma vacinação acelerada nos próximos meses.

Bolsonaro disse que continuará pregando que o ‘lockdown’ é uma medida que pode quebrar a economia dos estados e determinou que sua equipe que tudo seja feito para aumentar o número de doses de vacinas no país.

Aliados de Bolsonaro avaliam que a decisão do governo de focar na aceleração do programa nacional de imunização é acertada, mas reclamam que o presidente ainda não assumiu isso de forma enfática publicamente. Segundo eles, Bolsonaro apoia o posicionamento nas reuniões internas, mas adota uma posição dúbia para o público externo.

O encontro no Palácio da Alvorada neste domingo reuniu os presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), além dos ministros Braga Netto (Casa Civil), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Paulo Guedes (Economia) e Eduardo Pazuello (Saúde).

As críticas às decisões dos governadores de fechar atividades foram unânimes entre os presentes, que fecharam um acordo pela adoção rápida de medidas para acelerar a vacinação no país. Isso passará pela aprovação, ainda nesta semana, do projeto que facilita a compra de vacinas no Brasil, inclusive, pelo setor privado. O texto já foi aprovado pelos senadores e aguarda votação dos deputados. Lira disse que vai buscar que isso ocorra nos próximos dias na Câmara dos Deputados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tony Medeiros assume presidência da Comissão de Turismo na ALEAM

MP-AM quer retorno seguro às aulas no município de Manaquiri

Governo do AM divulga lista de membros do Conselho Curador da UEA