TJAM reforça orientação sobre exigência da carteira de vacina para acesso às unidades

A medida da presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) vale para público interno e externo; também é preciso apresentar documento de identificação e usar máscara

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) reforça aos públicos interno e externo a orientação de que para o acesso às unidades do Judiciário estadual é preciso apresentar a carteira de vacinação contra a Covid-19.

Desde que foram retomadas de forma integral as atividades presenciais, em 3 de novembro de 2021, foi divulgada a necessidade deste documento para ingressar nas unidades judiciais e administrativas da instituição, em todo o Estado.

Esta medida é prevista na Resolução n. 23/2021, aprovada pelo Tribunal Pleno e disponibilizada no Diário da Justiça Eletrônico de 8 de outubro de 2021.

A norma determina que a vacinação é obrigatória para todos que ingressarem nas dependências físicas do TJAM, na capital ou no interior do Estado.

Para o ingresso e permanência nas unidades do TJAM também será feita aferição de temperatura corporal e exigido uso de máscara e documento de identificação.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Votação da PEC dos Benefícios em comissão na Câmara é adiada

Braga e Ramos comemoram derrubada de vetos presidenciais às leis Paulo Gustavo e Aldir Blanc

Bruno Gagliasso compra 20 toalhas com rosto de Lula para presentear amigos

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.