Prefeito de Eirunepé é alvo de representação por suposta burla na área da Educação

Segundo o Tribunal de Contas do Amazonas, o prefeito de Eirunepé, Raylan Barroso de Alencar, estaria descumprindo a Lei n. 9394/1996, que dispõe sobre Educação

Manaus | AM

O prefeito de Eirunepé, Raylan Barroso de Alencar (DEM), está sendo alvo de uma Representação do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), por meio da Secretaria Geral de Controle Externo (SECEX/TCE-AM), por suposto descumprimento da Lei n. 9394/1996, que estabelece as diretrizes e normas da Educação.

Ainda na mesma Representação, Raylan está supostamente descumprindo a Lei n. 11947/2009, que trata do atendimento da alimentação escolar e do Programa Dinheiro Direto na Escola aos alunos da Educação Básica.

eirunepé

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portugal reconhece certificados de vacinação emitidos pelo Brasil

Governo federal cria programa para expandir telecomunicações na Amazônia

Cartórios eleitorais do interior do AM voltam a atender presencialmente