PF apreende R$ 190 milhões em fraudes no enfrentamento da pandemia

Em nota, a PF informou, nesta terça-feira (20), que desde abril do ano passado já cumpriu 158 mandados de prisão temporária, 17 de prisão preventiva e 1.536 de busca e apreensão

Manaus | AM | Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) ultrapassou, na última semana, a marca de 100 operações de repressão ao desvio e utilização indevida de verbas públicas federais destinadas ao combate à pandemia da Covid-19. Até o último dia 13, o total de operações chegou a 102 e os valores apreendidos a quase R$ 190 milhões.

Em nota, a PF informou, nesta terça-feira (20), que desde abril do ano passado já cumpriu 158 mandados de prisão temporária, 17 de prisão preventiva e 1.536 de busca e apreensão em 205 municípios de 26 unidades da federação. O montante de contratos de produtos e serviços investigados atingiu cerca de R$ 3,2 bilhões.

Deflagrada em abril de 2020 na Paraíba, a operação ‘Alquimia’ foi a primeira ação para apurar suspeita de superfaturamento em contrato. De lá para cá, o Amapá é o estado com o maior número de operações, 11 no total, seguido por Maranhão (10), Pernambuco (8), Sergipe (8), Rio de Janeiro (7), São Paulo (6), Piauí (6), Pará (6), Amazonas (4) e Rondônia (4).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lira espera votar Reforma Administrativa até o final de agosto

Citado em depoimentos sobre propina, coronel Blanco depõe à CPI da Pandemia, nesta quarta

Marcelo Ramos e Serafim Côrrea saem em defesa de Bruno Covas após ataque de Bolsonaro