Partido Novo suspende filiação de João Amoedo

Medida aconteceu após parlamentar anunciar apoio ao candidato Lula para presidência da República

BRASIL |

O partido Novo anunciou nesta quinta-feira (27), a suspensão da filiação do empresário João Amoêdo. Amoêdo é fundador e ex-presidente do partido. A decisão aconteceu após  o empresário e político afirmar que seu voto e apoio ao candidato à presidência da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições.

A postura do parlamentar gerou críticas entre os membros das sigla. A determinação vale até o encerramento do processo disciplinar aberto contra ele por “possíveis violações estatuárias”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.