MP-AM inicia apuração de atos criminosos registrados em Manaus e no interior do Amazonas

De acordo com o procurador-geral de Justiça do Amazonas, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, o MP-AM está atuando a partir das primeiras investidas criminosas

Manaus | AM

O procurador-geral de Justiça do Amazonas, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, informou nesta segunda-feira (7), que o Ministério Público do Amazonas (MP-AM), por meio do Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco), que iniciou apuração de atos criminosos ocorridos na capital e no interior do Estado, no último final de semana, visando a identificação do contexto, dinâmica e motivação envolvidos nas práticas ilegais.

De acordo com Alberto Rodrigues, o MP-AM está atuando a partir das primeiras investidas criminosas. A apuração dos fatos segue com o máximo de amplitude e assiduidade.

“As investigações correm sob sigilo e, tão logo seja possível, assegurada a eficiência das diligências, haverá a devida publicidade, que vigora como regra para os atos do Poder Público, dando-se a devida transparência e retorno para a sociedade”, disse o procurador-geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Projeto torna inelegível por 8 anos quem 'furar a fila' de vacinação

Últimos defensores públicos aprovados em concurso de 2018 tomam posse

Prefeito de Manaus anuncia antecipação do 13º salário dos servidores