Manaus terá ato “Fora, Bolsonaro” neste sábado (29)

Manaus-AM- Assim como em diversas outras capitais brasileiras, em Manaus também será realizado um ato para pedir o impeachment do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), neste sábado (29/5). Na capital amazonense, o ato será, principalmente, em defesa da Zona Franca de Manaus  (ZFM) e contra os cortes na educação. A mobilização nacional também exige o auxílio emergencial de R$ 600,00 para a população e vacinação para todos já.

“Com a pandemia, nossa primeira opção foi por realizar prioritariamente atos on-line, mas infelizmente chegamos ao final do mês de maio e somente 10% da população brasileira está vacinada com as duas doses, nesse ritmo não conseguiremos ter a metade da população vacinada até o final de 2021, não bastasse a incapacidade de repostas do governo federal diante da pandemia, foi anunciado pelo Ministério da Educação cortes no orçamento das universidades, só na UFAM (Universidade Federal do Amazonas) esse corte atinge mais de 30% do orçamento, o que pode comprometer o retorno das aulas presenciais.”, diz Yann Evanovick, coordenador da Frente Brasil Popular.

“Em resposta a esses ataques convocamos mobilizações presencias com o objetivo de pressionar os governantes para mudarem suas posturas e compreenderem que a população luta, pelo direito à vida, vacina e comida na mesa”., acrescenta Yann Evanovick.

Ainda de acordo com a coordenação, em Manaus os manifestantes sairão da Praça da Saudade (no Centro da capital), passando pela Avenida Epaminonas, Avenida Sete de Setembro, Eduardo Ribeiro e finalizando no Teatro Amazonas, ainda no Centro Histórico da cidade. Devem ser obedecidas medidas em prevenção ao novo coronavírus (Covid-19). Conforme a programação, a concentração do ato começa as 15h e deve sair por volta das 16h.

“Para que os atos aconteçam com segurança, organizamos o que estamos chamando de “brigada da saúde”, que é composta por trabalhadores da saúde e voluntários das universidades que estarão distribuindo máscaras e álcool em gel durante o ato.”, informou, ainda, o Yann.

Foto: Reprodução/Internet

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comissão da Covid-19 ouve o ministro da Saúde nesta segunda-feira

Novo marco regulatório da improbidade administrativa chega ao Senado

Vereador Peixoto destaca programa de aceleração econômica e social ‘Mais Manaus’, lançado nesta quinta