Indicado para integrar a CPI da Covid, Omar Aziz é citado mais de 200 vezes em investigação sobre a Saúde do AM, diz CNN

De acordo com matéria da CNN, Omar Aziz aparece em investigação que apura o desvio de R$ 260 milhões de verbas públicas da saúde por meio de contratos milionários firmados entre empresas e o governo do Estado

Manaus | AM

O senador Omar Aziz (PSD), indicado para integrar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, é citado mais de 200 vezes em investigação de desvios de recursos para a área da saúde quando ele foi governador do Amazonas, diz CNN. “Em um relatório da Polícia Federal, de 2019, o nome do senador Omar Aziz é citado, escutem, mais de 200 vezes”, diz a apresentadora Monalisa Perrone.

Já segundo o jornalista Caio Junqueira, Omar segue sendo investigado em processo que corre na Justiça Estadual.  “A investigação contra ele ainda corre a partir de uma operação deflagrada em 2016, chegou a prender sua esposa e seu irmão, e o objeto principal da investigação é o desvio de, segundo o Ministério Público Federal, R$ 260 milhões de verbas públicas da saúde por meio de contratos milionários firmados entre empresas e o governo do Estado”.

Eduardo Braga e Omar Aziz devem representar Amazonas na CPI da Covid, diz CNN

Nota

Em nota, o senador Omar Aziz afirma que, apesar de ser citado no relatório da operação ‘Vertex’, em 2019, esclarece que “não foi produzida prova alguma ou nem mesmo apresentado indício de ligação de Omar Aziz com qualquer atividade delituosa”.

“A forma como foi o apresentado o relatório, isto é, uma narrativa ficcional, mostra por si só a fragilidade desse documento, pois não aponta nenhum fato concreto e provado envolvendo Omar Aziz com atos ilícitos”, diz o senador.

Ele salienta, ainda, que o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) “declarou, por acórdão, não ser a Justiça Federal competente para apurar a questão por ausência de qualquer verba federal supostamente ligada aos fatos em apuração” e que “por essa razão, pode-se dizer que a autoridade policial responsável pelo relatório não tinha e não tem atribuição para conduzir a investigação nem para relatá-la”.

Matéria atualizada no dia 16 de abril de 2021, às 7h54, para acréscimo de informações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ministério da Economia publica regra que permite elevar salários de Bolsonaro e Mourão

Wilson Lima entrega 3 toneladas de alimentos na Zona Sul de Manaus

Aproximação de Dermilson Chagas e Eduardo Braga fica explícito nas redes sociais