Em Beruri, PC instaura inquérito para investigar suposta compra de voto após apreensão do TRE-AM

O candidato a vice-prefeito foi abordado pelo TRE-AM em uma residência e portava a quantia R$ 970 em espécie

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

Nesta sábado (14), por volta do meio-dia, policiais civis da 80ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Beruri , sob o comando da delegado José Campelo, responsável pela operação ‘Eleições 2020’ na cidade, atendeu uma equipe do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) que apresentou um candidato a vice-prefeito supostamente envolvido em compra de votos.

O candidato foi abordado pelo TRE-AM em uma residência e portava a quantia R$ 970 em espécie. O delegado Campelo fez as oitivas e colheu depoimento de todas as pessoas envolvidas no caso. Não ficou comprovado o crime eleitoral. Um inquérito policial foi instaurado para aprofundamento das investigações. As pessoas envolvidas já foram liberadas, e o dinheiro apreendido será depositado em juízo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marcelo Amil tem o menor custo de voto do PCdoB no País

TJAM divulga o Calendário Judicial para o ano de 2021

Renê Terra Nova declara apoio a David Almeida em Manaus