Após pedido do MP-AM, delegacia de Itamarati passa a ter duas novas celas

Conforme o Ministério Público do Amazonas (MP-AM), as novas celas vão possibilitar que os detentos diagnosticados com Covid-19 fiquem isolados

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

O pedido do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), feito por meio da promotoria da Justiça de Itamarati e que solicitou junto a prefeitura municipal a expansão da delegacia da localidade para melhorar o atendimento aos presos por conta da proliferação do novo coronavírus (Covid-19), foi atendido. Duas celas foram construídas e inauguradas neste mês.

Conforme o promotor Caio Lúcio Fenelon Assis Barros, as novas celas vão possibilitar que os detentos diagnosticados com Covid-19 fiquem isolados, obedecendo as medidas de prevenção indicadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Apesar de ter poucos presos, cada cela recebe entre três a quatro presos. Com a expansão do novo coronavírus pelo mundo, principalmente aqui no nosso Estado, vimos a necessidade de antecipar ações que pudessem evitar qualquer problema de superlotação na delegacia de Itamarati”, explicou o promotor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ministério da Economia publica regra que permite elevar salários de Bolsonaro e Mourão

Wilson Lima entrega 3 toneladas de alimentos na Zona Sul de Manaus

Aproximação de Dermilson Chagas e Eduardo Braga fica explícito nas redes sociais