Therezinha Ruiz manifesta repúdio aos crimes de feminicídio

Presidente da Comissão da Mulher, do Idoso e da Família, da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), Therezinha Ruiz considerou revoltante e perversa a morte de Rosiane Barros, que era servidora da Semed

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

A deputada professora Therezinha Ruiz (PSDB), apelou às autoridades policiais para que aprofundem a investigação sobre o caso da servidora da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Rosiane Ferreira Barros, encontrada morta nas matas do bairro Puraquequara, Zona Leste, na sexta-feira (2), com suspeita de estupro.

Presidente da Comissão da Mulher, do Idoso e da Família, da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), Therezinha Ruiz considerou revoltante e perversa a morte de Rosiane Barros, que ela conheceu profissionalmente, como servidora proativa que sempre procurou ajudar as pessoas da sua comunidade.

“Em uma semana duas mulheres foram assassinadas. Pedimos socorro, apoio e proteção para todas as mulheres que trabalham, são donas de casa, ajudam suas famílias e não é justo que sejam vítimas de crimes brutais”, repudiou a deputada, lembrando também da morte de Aila Maria da Silva, esfaqueada pelo marido.

Therezinha Ruiz declarou solidariedade à família da vítima, ressaltando ainda que uma pessoa que também sofreu agressões e se encontra internada num hospital, poderá contribuir para elucidar o caso.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carlinhos Bessa agradece Wilson Lima por CETI de Tefé

TCE-AM muda para quarta-feira o julgamento das contas de ex-gestores de Arthur Neto e Amazonino Mendes

Câmara pode votar nesta terça-feira MP sobre suspensão de contratos de trabalho na pandemia