Marcelo Ramos critica ataques de Bolsonaro à CPI da Pandemia

Manaus-AM- O vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL-AM), criticou hoje o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), por ataques contra a CPI da Pandemia.

“Por que o presidente, ao invés de atacar membros da CPI, simplesmente não negou que tenha dito que o seu líder [na Câmara, Ricardo Barros, PP-PR], era o responsável por operações suspeitas na compra da vacina Covaxin?”, disse o parlamentar em um tuíte.

“Na verdade, por que ele não negou isso até agora? Ricardo Barros deveria cobrar essa negativa.”, prosseguiu o deputado federal.

Na última sexta-feira (25), em depoimento à CPI, o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) disse que Bolsonaro citou o nome de Ricardo Barros, que nega irregularidades, ao ouvir uma denúncia sobre uma pressão atípica para a importação da Covaxin.

No último sábado (26), durante “motociata” em Chapecó (SC), Bolsonaro disse que a CPI é formada por “sete pilantras” que querem investigar o governo federal, mas não os governos estaduais. “Só uma coisa me tira de Brasília: é o nosso Deus”, afirmou.

 

*Com informações do site UOL

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carlinhos Bessa agradece Wilson Lima por CETI de Tefé

TCE-AM muda para quarta-feira o julgamento das contas de ex-gestores de Arthur Neto e Amazonino Mendes

Câmara pode votar nesta terça-feira MP sobre suspensão de contratos de trabalho na pandemia