Lissandro Breval pede bloqueio das contas das empresas ligadas a construção do viaduto do Manoa

O vereador Lissandro Breval informou sobre o ato na manhã desta segunda-feira (1º), durante pronunciamento na Câmara Municipal de Manaus

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

O vereador Lissandro Breval (Avante) informou, na manhã desta segunda-feira (1º), durante pronunciamento na Câmara Municipal de Manaus (CMM), que irá solicitar do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), o bloqueio das contas e suspensão de qualquer certame com a Prefeitura de Manaus das empresas J. Nasser Engenharia e a Construtora Soma, que formam o consórcio Manauara. O consorcio é responsável pela construção do Complexo Viário do Manoa, zona norte da capital.

O viaduto do Manoa foi entregue pelo ex-prefeito Arthur Neto (PSDB), no dia 31 de dezembro de 2020, e foi interditado pelo atual prefeito David Almeida (Avante) poucas horas depois. Naquela data, a prefeitura informou que a obra necessitava de ajustes na sinalização, “que garantam a segurança do trânsito na nova estrutura viária”.

A obra foi orçada, inicialmente, em mais de R$ 40 milhões. Atualmente, a prefeitura fechou uma parceria com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Amazonas (Crea-AM), saída encontrada diante da falta de entendimento entre as empresas que construíram o viaduto e os técnicos do município. Até o momento, a empresa Soma recebeu R$ 25.791.877,58 (54,76%) e a J Nasser recebeu R$ 21.308.122,42 (45,24%).

Breval pontuou o descaso com a obra entregue pela antiga gestão da Prefeitura de Manaus. “Acho que esse é o mínimo que nós temos que fazer com essa irresponsabilidade, essa ingerência, essa incompetência que Manaus ganhou de presente da antiga gestão. Mais de R$ 40 milhões gastos, e a população de Manaus não consegue usar essa importante obra para a vida dos cidadãos da zona norte”, concluiu o vereador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tony Medeiros assume presidência da Comissão de Turismo na ALEAM

MP-AM quer retorno seguro às aulas no município de Manaquiri

Governo do AM divulga lista de membros do Conselho Curador da UEA