Emenda de Angelus Figueira e Átila Lins visa repasse de R$ 14 milhões para Hospital Francisca Mendes

Manaus – AM –  Com informações da assessoria

Uma articulação do deputado estadual Angelus Figueira (DC) com o deputado federal Átila Lins (PP) visa garantir um repasse de R$ 14 milhões para serem usados no Hospital Universitário Francisca Mendes, direcionado a pacientes cardiopatas. As informações foram confirmadas nesta sexta-feira (3) pelo vereador Dione Carvalho (Patriota).

De acordo com o vereador, que é fundador da Associação de Pais e Amigos de Crianças Cardiopatas do Amazonas (APACC), a emenda é muito importante graças ao esforço do deputado Angelus Figueira e de Átila Linda.

“Estive com meu amigo, ex-prefeito de Manacapuru, deputado Angelus Figueira, por uma demanda a pedido do presidente Associação dos Pais de Crianças Cardiopatas, o presidente Lucas, onde tratamos, juntamente ao deputado federal Átila Lins, uma articulação via Ministério da Saúde, em Brasília, um projeto que vai, se Deus quiser, ser aprovado, um recurso de R$ 14 milhões, que vai dar fôlego ao Hospital Francisca Mendes, para trazer mais equipamentos, mais cirurgias, mais leitos”, disse Dione.

“O meu muito obrigado ao deputado Angelus Figueira que sempre desenvolveu um ótimo trabalho em sua gestão como prefeito de Manacapuru, por exemplo. O senhor sempre terá meu respeito e admiração das famílias de crianças cardiopatas”, completou Dione.

Segundo o deputado Angelus Figueira, o vereador também tem contribuído pelo desenvolvimento na área da saúde não somente em Manaus, onde é vereador, mas em cidades do interior. “Ele tem feito um trabalho muito forte na área de saúde e vem contribuindo também com as relações dele em Brasília, faz com que ele possa contribuir não só por Manaus. Ele tem nos acompanhando no interior, contribuindo pelo nosso mandato, mas, principalmente, pelo povo do Estado do Amazonas. O trabalho dele abraça outros municípios. É uma emenda muito importante”, disse Figueira.

Estrutura hospital

Atualmente o Hospital do Coração Francisca Mendes – HCFM é vinculado a Universidade Federal do Estado do Amazonas, hoje nomeado pelo SUS, como Centro de Referência da Alta Complexidade em Cirurgia Cardiovascular, Cardiologia Intervencionista, Cirurgia Vascular de Alta Complexidade, Endovascular e Elotrofisiologia, atende à demanda do Estado do Amazonas e está inserido na rede de atendimento de Alta complexidade do SUS na Região Norte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portugal reconhece certificados de vacinação emitidos pelo Brasil

Governo federal cria programa para expandir telecomunicações na Amazônia

Cartórios eleitorais do interior do AM voltam a atender presencialmente