David Almeida vai recorrer a Wilson Lima para manter comando da CMM

Durante encontro com vereadores nesta terça-feira, prefeito de Manaus afirmou que vai pedir apoio do governador para garantir votos suficientes para eleger seu indicado para presidência da Câmara Municipal de Manaus

MANAUS | AM

Em almoço com 21 vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) nesta terça-feira (22), o prefeito David Almeida (Avante) afirmou que irá pedir ajuda do governador do Estado, Wilson Lima (União Brasil) para garantir votos suficientes para eleger seu indicado para a disputa da presidência do parlamento municipal no biênio 2023-2024.

O nome do candidato, no entanto, segue indefinido. Este é o “Plano C” do prefeito que inicialmente desejava alterar a Lei Orgânica do Município (Loman) para garantir a reeleição de David Reis (Avante) e depois ensaiou fazer uma “manobra” para acelerar a posse do primeiro-suplente do Avante e diretor-presidente da Manauscult, Alonso Oliveira. Ambas as tentativas não obtiveram apoio dos parlamentares.

Na reunião, que durou cerca de duas horas e meia, David Almeida garantiu o apoio de 18 dos 21 presentes.

Um interlocutor da Prefeitura revelou ao PODER que com a ajuda de Wilson, David espera ter pelo menos 35 votos para o seu candidato.

Um dos cotados é de Eduardo Alfaia (PMN). Porém, há outros nomes que também podem disputar a “benção” do prefeito, como Marcel Alexandre, que é do Avante, e Jander Lobato (PSB), que é um fiel escudeiro do prefeito na CMM.

Encheu a bola

Na reunião, o prefeito de Manaus “encheu a bola” de David Reis, que segundo ele, se sacrificou em prol do Avante, já que deixou de ser candidato a deputado estadual – numa candidatura com boas chances de êxito – para disputar uma cadeira na Câmara Federal.

Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.