ALEAM recorrerá de decisão que suspende CPI da Amazonas Energia, diz deputado Serafim Corrêa

O deputado Serafim Corrêa defendeu a importância da comissão para investigar as irregularidades na concessionária de energia elétrica e disse que a Amazonas Energia precisa explicar a piora na prestação de serviços, além do aumento na conta de luz do consumidor

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

Após a decisão de suspensão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Amazonas Energia, pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) afirmou nesta quarta-feira (8), que a Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) irá cumprir a decisão e, assim que notificada, a Procuradoria da Casa recorrerá e entrará com recurso cabível.

“Cautela e caldo de galinha não fazem mal a ninguém. A Assembleia não foi ainda sequer citada e cientificada da decisão liminar do desembargador Aírton Gentil. Vamos aguardar a ciência da decisão. A Procuradoria da Casa vai examinar e vai apresentar os nossos argumentos. Da mesma forma de que foi feito na CPI da Saúde, que também foi concedido uma liminar cassada. Vamos ter cautela. Tudo há o seu tempo e a procuradoria vai adotar as medidas cabíveis”, disse Serafim.

Desembargador atende pedido da Amazonas Energia e suspende CPI

O líder do PSB da Casa Legislativa defendeu a importância da comissão para investigar as irregularidades na concessionária de energia elétrica e disse que a Amazonas Energia precisa explicar a piora na prestação de serviços, além do aumento na conta de luz do consumidor. “A CPI é necessária. A Amazonas Energia desrespeita o direito dos consumidores. Agride, inclusive, o Tribunal de Justiça quando não obedece decisões judiciais. Tudo isso é muito grave e é isso que devemos examinar e analisar”, concluiu.

O requerimento para instalação da CPI recebeu assinatura do presidente da Casa Roberto Cidade (PV) e dos deputados Sinésio Campos (PT), Fausto Júnior (MDB), Wilker Barreto (sem partido), Dermilson Chagas (sem partido), João Luiz (Republicanos), Therezinha Ruiz (PSDB), Serafim Corrêa (PSB), Álvaro Campelo (Progressistas) e Carlinhos Bessa (PV).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menezes retoma viagens pelo interior do Estado por Apuí

Denúncias contra Prevent Senior foram manipuladas, diz diretor na CPI

Governo do Estado atua em duas frentes para investigar casos suspeitos de rabdomiólise no Amazonas