Vereador denuncia ataque de sindicato após abordar motorista de ônibus que não parou para idosa

Manaus-AM- O vereador Rodrigo Guedes (PSC), usou as redes sociais para mostrar ataques feitos pelo Sindicato dos Rodoviários de Manaus, também por meio da internet, após o parlamentar interceptar um motorista de ônibus do transporte coletivo que não parou para uma idosa realizar o embarque.

Na última sexta-feira (25), o parlamentar gravou um vídeo em que o mesmo aparece parando um motorista de ônibus da linha 100, e o questiona por ter passado direto para idosa que havia feito sinal de parada, no bairro Glória, na zona Oeste da cidade. O vereador exigiu que o motorista voltasse para apanhar a mulher.

“Estava saindo da Câmara Municipal de Manaus, indo para o centro, trafegando no carro exatamente atrás desse ônibus quando uma senhora idosa fez o sinal para o ônibus parar e o motorista passou direto. Segui o ônibus e na parada seguinte tivemos que “fechá-lo” para que eu o abordasse e exigisse que retornasse para buscar a senhora. Todo usuário do transporte coletivo sabe que isso acontece muito”, afirmou.

Apesar de o motorista ter alegado que a idosa fez sinal “muito em cima” e “não deu tempo de parar”, o vereador considera que é ação recorrente na cidade e falta de respeito com os usuários.

Neste domingo (27), o vereador relatou que foi atacado de forma agressiva e baixa pelo Sindicato dos Rodoviários, e se defendeu. “Em nenhum momento fui mal educado, desrespeitoso, grosso com o motorista. É só assistir o vídeo que fala por si só, tá mais do que claro. Fiz questão, inclusive, de borrar o rosto dele, mesmo legalmente não precisando.”, diz o parlamentar.

“Ao invés de me ofender o sindicato deveria ouvir a população e admitir que é uma realidade grave que acontece com 10 em 10 usuários e precisa acabar. Se o vídeo ajudar a combater, já me dou por satisfeito! Digam pra população que vão lutar contra isso também! Xingar o mensageiro não vai apagar a mensagem.”, também cita o vereador.

Rodrigo Guedes mostrou publicações em que o Sindicato dos Rodoviários compartilhou o vídeo, gravado pelo parlamentar, dando o título “Vereador oportunista vagabundo e sem visibilidade humilha pai de família”

Outra publicação no perfil do sindicato no Facebook diz: “Vereador covarde, cara de pau, querendo se promover as custas dos trabalhador, não vamos aceitar!” .

Outra publicação na página do Sindicato dos Rodoviários atribui uma declaração ao presidente do sindicato, Givancir de Oliveira.

– “A direção do Sindicato não compactua com motorista que propositalmente deixam os idosos ou qualquer passageiro na parada de ônibus, nossa orientação é que pare! Se porventura isso acontecer, ou qualquer motorista cometer um crime ou uma infração, todos os veículos tem os números de telefones dos órgãos responsáveis para denuncias, que é o IMMU (Instituto Municipal de Mobilidade Urbana) e também do (SINETRAN) , que logo após receberem essas denúncias vão apurar os fatos e se for o caso, da a punição cabível ao motorista.” –

O presidente do sindicato também promete acionar a Justiça em favor dos rodoviários.

– “Agora deixo bem claro que não vai ser politicagem desse tipo, que vai resolver esse problema, e que cada motorista que for abordado dessa forma constrangedora no seu local de trabalho, que me procure, pois vamos entrar com ação de danos morais contra qualquer pessoal que o fizer dessa forma, inclusive desse vereador, cara de pau, que não tem visibilidade nenhuma e quer se promover, humilhando o pai de família.”  –

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lira espera votar Reforma Administrativa até o final de agosto

Citado em depoimentos sobre propina, coronel Blanco depõe à CPI da Pandemia, nesta quarta

Marcelo Ramos e Serafim Côrrea saem em defesa de Bruno Covas após ataque de Bolsonaro