TJAM pauta quase 6 mil audiências processuais para a Semana Nacional da Conciliação

Neste ano, a Semana Nacional da Conciliação ocorrerá no período de 30 de novembro a 4 de dezembro com audiências na capital e no interior

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

A Corregedoria-Geral de Justiça do Amazonas (CGJ-AM) informou que 5.903 processos já constam na pauta do mutirão de audiências da Semana Nacional da Conciliação (SNC) que, neste ano, ocorrerá no período de 30 de novembro a 4 de dezembro.

O número corresponde à quantidade de processos pautados pelas unidades judiciárias da capital e do interior do Amazonas, até a primeira quinzena deste mês de novembro. No entanto, o número ainda pode ser ampliado com a inclusão de novos processos com potencial conciliatório.

Chegando à 15a edição e tendo como tema ‘Conciliação: menos conflito, mais resultado’, a SNC é uma mobilização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), sendo um esforço concentrado dos Tribunais de Justiça (Estaduais, do Trabalho e Federais) para motivar a realização de acordos por partes processuais interessadas na resolução de litígios.

No Amazonas, a SNC é coordenada pela Corregedoria-Geral de Justiça (CGJ-AM) que, prezando pela saúde das partes processuais e também dos magistrados, servidores e estagiários da Justiça Estadual, assim como a dos operadores do Direito e membros do sistema judiciário, optou por realizar as audiências, preferencialmente, por meio virtual, seguindo todos os protocolos sanitários exigidos pelas autoridades de Saúde para prevenir o contágio pela Covid-19.

Todas as diretrizes da Semana Nacional da Conciliação no Amazonas constam na Portaria n. 245/2020-CGJ-AM, assinada pela corregedora-geral de Justiça, desembargadora Nélia Caminha. De acordo com a magistrada, no período do mutirão, o Judiciário atuará além do horário de expediente, com as audiências ocorrendo das 8h às 16h30.

“A partir da mobilização conduzida pelo CNJ, o Poder Judiciário do Estado do Amazonas mobilizou um número expressivo de servidores, magistrados e estagiários, que atuarão no evento, intermediando conciliações e prestando a devida orientação às partes processuais. Prezando pelos protocolos de saúde e pelo atendimento célere, esperamos realizar um trabalho exitoso e contribuir com a resolução dos litígios pautados”, afirmou a desembargadora Nélia Caminha.

Para potencializar o trabalho e a realização das mais de 5.900 audiências pautadas, o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) disponibilizará aos servidores, magistrados e estagiários envolvidos no semana temática, a ferramenta Google Workspace, que concentra tecnologia para a realização de videoconferências, armazenamento em nuvem e outros implementos para favorecer a prestação jurisdicional. A mesma tecnologia será utilizada pelo Judiciário Estadual em suas atividades posteriores à Semana Nacional da Conciliação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Em menos de 24h, processo seletivo para o gabinete de Amom já tem mais de 5 mil pré-inscrições

População terá mais ônibus em horário de pico em Manaus, após pedido de vereador

Marcelo Ramos afirma que China doará oxigênio, máscaras e recursos para a Saúde do AM