Justiça suspende show de Tierry em Boca do Acre

A Promotora de Justiça apontou irregularidades na contratação, entre elas a ausência de informações no Portal da Transparência e gasto excessivo com a atração

AM |

O show do cantor Tierry no município de Boca do Acre foi suspenso após liminar emitida pelo Ministério Público do Amazonas (MPAM)na terça-feira (16). Tierry havia sido contratado pela prefeitura local para se apresentar no sábado (27), durante o 26º Festival de Praia de Boca do Acre, evento tradicionalmente realizado na Praia do Gado, margem do Rio Purus.

A apresentação teria a duração de 2 horas e custaria R$ 235 mil aos cofres do Município.

A antecipação da tutela foi concedida no curso de Ação Civil Pública proposta pela Promotora de Justiça Míriam Figueiredo da Silveira, que apontou irregularidades na contratação, entre elas a ausência de informações no Portal da Transparência e gasto excessivo com a atração quando os serviços básicos e essenciais não são oferecidos de forma eficiente para a população.

Com a decisão, o Município deve, ainda, abster-se de efetuar quaisquer pagamentos e/ou transferências financeiras decorrentes do contrato estabelecido para a contratação do artista Tierry, sob pena de bloqueio coercitivo correspondente ao valor da contratação, nos termos do art. 300 do CPC.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.