Pedindo saída de ministro do STF, caminhoneiros bloqueiam estradas pelo Brasil

O presidente Jair Bolsonaro gravou um áudio, nesta quarta-feira (8), pedindo que seus apoiadores parem com os bloqueios nas rodovias

Manaus | AM

Caminhoneiros ligados ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) bloquearam estradas em pelo menos 16 estados do Brasil, na noite desta quarta-feira (8), de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A Central da Greve identificou bloqueios em 19 estados.

Entre os estados afetados estão Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Paraná, Santa Catarina, São Paulo e Rio Grande do Sul. 

Bolsonaro gravou um áudio pedindo aos caminhoneiros que liberem as estradas do País. Na gravação, ele diz que a ação “atrapalha a economia” e “prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres”.

“Fala para os caminhoneiros aí, que são nossos aliados, mas esses bloqueios atrapalham a nossa Economia. Isso provoca desabastecimento, inflação e prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres. Então, dá um toque nos caras aí, se for possível, para liberar, tá ok?”.

O Ministério da Infraestrutura confirma que os bloqueios aconteceram e que já desmobilizou 117 pontos até o momento. A principal reivindicação dos caminhoneiros seria a entrega de um documento ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), pedindo a destituição de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), em especial Alexandre de Moraes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

David Reis diz que vereadores decidirão se licitação das 41 pick ups vai continuar na CMM

Bolsonaro afirma que Governo Federal zerou impostos de medicamentos

Marcelo Ramos afirma que aumento do IOF é uma maldade com o povo brasileiro