Ministério da Infraestrutura pretende privatizar portos do Brasil

“Teremos o maior arrendamento portuário da nossa história. Serão bilhões de reais em outorgas e mais investimentos”, disse o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas

Manaus | AM

Terminais portuários estão na mira de leilões do Ministério da Infraestrutura (Minfra). Segundo o ministro da pasta, Tarcísio Freitas, o próximo ciclo de leilões do setor de Infraestrutura começa no 2º semestre de 2021.

“Teremos o maior arrendamento portuário da nossa história. Serão bilhões de reais em outorgas e mais investimentos”, disse Freitas.

O ministro explicou os planos para o setor ferroviário, portuário e rodoviário do País: Ferrovia Norte-Sul fica complemente operacional em 2021, permitindo a ligação ferroviária desde o Porto de Itaqui (MA) até o Porto de Santos (SP) e mais.

Privatizações

O Governo Bolsonaro também começou a privatizar as Unidades de Conservação (UC) em vários estados da Amazônia Legal, por meio, do PND (Programa Nacional de Desestatização).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

População de 40 a 51 anos terá 57 postos disponíveis para se vacinar neste fim de semana

'O gol mais bonito da história de Manaus', diz juíza federal sobre campanha de vacinação que usa Arena da Amazônia

Wilson Lima anuncia marca de 100 mil vacinados em menos de 28 horas da campanha