Coronel Bonates inicia ‘Aulão Gratuito’ para concurso público da área de Segurança no Amazonas

De acordo com coronel Bonates, a ideia do ‘Aulão Gratuito’ surgiu a partir das experiências que teve e ainda tem quando percorre o Estado

Manaus | AM

Quem está ‘de olho’ em uma das vagas do concurso público da área de Segurança e não tem condições de pagar cursos preparatórios convencionais, chegou uma boa oportunidade. A partir desta quinta-feira (6), começa o ‘Aulão Gratuito’, um projeto de ensino on-line, que alia modernidade e apelo social. O projeto é uma parceria entre o coronel Bonates, que tem experiência na área de Segurança Pública no Amazonas, com passagem pela Secretária de Segurança Pública (SSP-AM) e Secretaria de Justiça do Estado; e o consultor em Educação, Durval Braga Neto.

De acordo com coronel Bonates, a ideia do ‘aulão’ surgiu a partir das experiências que teve e ainda tem quando percorre o Estado. Ele conhece as necessidades de quem quer ingressar na área de Segurança Pública por meio de concurso, mas não tem condições de custear um cursinho. “Por onde passei, conheci muitas pessoas e sei dos sonhos que elas têm de vencer na vida, mesmo em meio às dificuldades de acesso ao ensino. Por isso, decidimos criar o ‘aulão’ e essa é uma forma de proporcionar conhecimento a essas pessoas”, disse.

“O ‘Aulão Gratuito’ é um compromisso social que temos e pretendemos difundir entre os que enfrentam dificuldades para frequentarem um cursinho por questões financeiras. Não queremos disputar espaço com os cursinhos já existentes, mas apenas dar oportunidade aos que não têm condições de cursar as aulas ofertadas pelo mercado”, concluiu o consultor em Educação, Durval Braga Neto.

As inscrições não têm custo e podem ser feitas a partir desta quinta-feira. Para ter acesso às aulas, os interessados precisam apenas preencher o formulário de inscrição no site. Lá, o aluno será direcionado ao conteúdo programático, agenda e apostilas do projeto. Para se inscrever, basta acessar o site aulaogratuito.com.br.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Municípios do AM acumularam R$ 1,7 bi de Fundeb até junho e prefeitos dizem não ter dinheiro, rebate Serafim

Votação da PEC dos Benefícios em comissão na Câmara é adiada

Braga e Ramos comemoram derrubada de vetos presidenciais às leis Paulo Gustavo e Aldir Blanc

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.