Em 2022 cresce em 10% número de deputados negros

Apesar do aumento, congressistas brancos ainda dominam a Câmara

PAÍS

O número de deputados negros eleitos em 2022 subiu para 135. É uma alta 26% em relação aos 123 eleitos em 2018. Apesar do aumento, congressistas brancos ainda dominam a Câmara. Foram eleitos 369, que devem assumir o mandato na Casa.

No país em que 56% da população se autodeclara preta ou parda, somente 1.363 pessoas pretas e 3.302 pardas disputaram uma vaga na Câmara em 2022. Em contrapartida, os brancos totalizaram 4.919 .

Há registros, na época da eleição de 2018, de que 125 deputados negros foram eleitos. No entanto, os dados atualizados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) indicam que os eleitos que se autodeclaram pretos e pardos são 123. A autodeclaração de cor dos candidatos só passou a ser registrada nas eleições de 2014, a partir de uma resolução publicada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Antes, a Justiça Eleitoral não tinha mecanismos para identificar candidatos negros.

Na eleição de 2022, a autodeclaração de alguns postulantes causou controvérsia. ACM Neto (União Brasil), que disputa o governo na Bahia, declarou-se branco em agosto depois mudou para pardo.

O candidato foi criticado pela mudança no registro da Justiça Eleitoral. Opositores afirmaram que ACM fez bronzeamento artificial para ficar com a pele mais escura, mas a campanha negou o procedimento.

Foto: Divulgação

Com informações de Poder 360*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.