STF retoma julgamento sobre liberação de missas e cultos presenciais durante a pandemia

Manaus | AM

O Supremo Tribunal Federal (STF), retomou na tarde desta quinta-feira (8), o julgamento que irá decidir se municípios e estados seguem com as proibições ou restrições de cultos ou missas presenciais em meio a pandemia de Covid-19.

Nesta quarta-feira (7), a votação contou apenas com a participação do ministro Gilmar Mendes, que votou a favor de que os estados devem proibir as celebrações presenciais para conter o avanço da pandemia. Logo após o voto do ministro, o julgamento foi interrompido e os demais ministros devem apresentar seus votos nesta quinta-feira (8).

A discussão no Supremo se dá no momento mais crítico da pandemia, em que o país vem registrando disparada no número de mortes e no número de novos casos, além de sobrecarga no sistema de saúde e risco de falta de remédios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Presidente da Aleam, Roberto Cidade, apresenta PL que permite empresas comprarem vacinas no AM

Vereadora Thaysa Lippy defende diagnóstico precoce para pessoas com Espectro Autista

Deputada Joana Darc conseguiu em uma semana beneficiar mais de 2 mil animais comunitários