STF começa julgamento sobre liberação de cultos e missas presencias

Manaus | AM

O Supremo Tribunal Federal (STF) já começou o julgamento nesta quarta-feira (7) sobre a liberação de celebrações religiosas presenciais, como cultos e missas no Brasil, mesmo em meio ao momento mais tenso da pandemia de Covid-19.

O presidente do STF, Luiz Fux, foi quem marcou o julgamento que ocorre após decisões conflitantes entre os ministros Nunes Marques e Gilmar Mendes.

No último sábado (3) o ministro Nunes Marques aceitou o argumento de liberdade religiosa e proibiu que estados, municípios e Distrito Federal vetassem as celebrações religiosas em razão da pandemia. Marques atendeu pedido da Associação Nacional dos Juristas Evangélicos (Anajure).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Presidente da Aleam, Roberto Cidade, apresenta PL que permite empresas comprarem vacinas no AM

Vereadora Thaysa Lippy defende diagnóstico precoce para pessoas com Espectro Autista

Deputada Joana Darc conseguiu em uma semana beneficiar mais de 2 mil animais comunitários