Pré-candidatos à Prefeitura de Manaus discutem em página de direita no Facebook

Romero Reis e Alfredo Menezes se 'alfinetaram' em postagem da página 'Direita Amazonas', no Facebook

Manaus | AM

Os pré-candidatos à Prefeitura de Manaus, Romero Reis (Novo) e Alfredo Menezes (Patriota), protagonizaram um ‘bate-boca’, nesta segunda-feira (31), na página ‘Direita Amazonas’, no Facebook. Tudo começou, quando a página publicou a decisão do presidente da República, Jair Bolsonaro, de não apoiar nenhum candidato à prefeitura no País, no 1º turno.

“A maior incoerência (atualmente) é aliança do PT e Patriota na corrida eleitoral de Parintins. Uma aliança brilhante! Vamos à Luta, Companheiro!”, escreveu um seguidor. Em seguida, Alfredo Menezes respondeu que mora em Manaus e que suas “atenções estão todas voltadas para a minha cidade”. “Não sou dirigente do partido, sou pré-candidato em Manaus, não sei nem quem o partido apoia em qualquer outro lugar, não é problema meu”.

Inconformado com a resposta, o internauta rebateu: “Digamos que seja uma versão ‘incoerência independente’. Então… Vale pra o Romero e Novo, mas não vale para Patriota e Menezes… Agora não é problema teu, né? Sei. Ah, me conta aí: Como é sentar com o pessoal do ‘bumbum livre’, tá sabendo né? Patriota e MBL estão juntinhos em São Paulo”.

Menezes então tenta esclarecer que “participar é diferente de apoiar” e que ambos “são coisas distintas”. “Interessante é ver o Direita Amazonas apoiando o Partido Novo em Manaus, aquele que é do João Amoedo, adversário e crítico do presidente Bolsonaro. Quanta incoerência! Selva!”. A partir disso, Romero Reis passa a fazer comentários na publicação.

“Você deveria focar no seu projeto e não no meu. Essa prática de denegrir os adversários, mentindo, enganando as pessoas, é jogo sujo. Isso sim é incoerência! Amoedo hoje é apenas mais um filiado do Novo e pode pensar como ele quiser, pois é livre. Mas ele não me representa e você sabe disso. Boa semana. Selva!”, disparou Reis.

Ex-dirigente da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Menezes diz que os apoiadores de Reis ficam “plantando mentiras e fake news” a seu respeito, e que ele deveria “se envergonhar de permitir e incentivar esse tipo de comportamento”. “O seu Partido Novo tem sim como grande expoente o João Amoedo, adversário do presidente Bolsonaro e candidato em 2022. Isso envergonhadamente você quer esconder e negar. Lhe pergunto: João Amoedo sendo candidato a presidente pelo seu Partido Novo você vai votar no presidente Bolsonaro? Responda com sinceridade para os integrantes do seu Partido Novo! Boa semana! Selva!”, finalizou.

Alguns internautas ainda chegaram a participar da ‘discussão’. “Você (Menezes) não é homem, é um menino que precisa de um grande homem pra se promover o que faz na gestão da surrada Distrito industrial todo abandonado na sua gestão, precisa fazer seu próprio nome rapazinho”, escreveu. “Romero é maior que o Partido Novo, não precisa se alinhar com o partido para ser candidato, nem fazer acordo com lobos para garantir sua eleição. Por isso ele é o necessário para a cidade de Manaus”, comentou outro.

Os dois pré-candidatos não falaram mais nada na publicação que pode ser conferida, na íntegra, clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mídia nacional repercute declaração de Bolsonaro sobre Alfredo Menezes

Coligação 'Aliança por Manaus' promove adesivaço e carreata

Carlos Almeida perde, no STJ, ação contra o Tribunal de Justiça do Amazonas