Josué Filho deixa o TCE-AM com aposentaria vitalícia de R$ 36,4 mil por mês

Manaus | AM

Nesta quarta-feira (17), o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) Josué Filho, se aposentou após 12 anos no cargo e se despediu com uma aposentadoria vitalícia de R$ 36,4 mil. A quantia foi definida conforme cálculo base referente a sua última remuneração.

O Pleno da Corte de Contas aceitou nessa quarta-feira (17) o pedido de aposentadoria compulsória feito pelo ex-presidente da corte em dezembro do ano passado, por conta da idade limite para exercer cargo público de 75 anos.

Quem ficou em seu lugar para ocupar a vaga deixada no pleno, foi seu filho, Josué Neto (Patriota) que deixou a presidência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e nesta quarta foi nomeado para conselheiro do TCE.

Conforme o Diário Eletrônico da Corte de Contas na edição desta quarta, mostra além da base de cálculo usado para definir a aposentadoria de Josué Filho, diz também sobre a confirmação da aposentadoria voluntária do ex-conselheiro do TCE-AM.

Josué Filho

 

Josué Filho

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Senadores Omar, Plínio e Braga votaram a favor da criação da CPI da Covid-19

AO VIVO | Saiba quais ministros do STF votaram contra a liberação de cultos e missas na pandemia

Roberto Cidade autorizou o gasto de mais de R$ 12 milhões com contratos na Aleam