Em quase 800 dias, Péricles, Wilker e Dermilson apresentaram apenas 97 PLs, na ALEAM

De acordo com levantamento feito no site da ALEAM, em setembro de 2020, o deputado Dermilson Chagas apresentou PL para conceder o título de Cidadão do Amazonas ao cantor Uendel Pinheiro

Manaus | AM

Um dos principais trabalhos de um deputado é legislar, ou seja, criar leis em benefício da população. No entanto, no Amazonas, três parlamentares oposicionistas – Delegado Péricles (PSL), Wilker Barreto e Dermilson Chagas, ambos do Podemos – apresentaram nos últimos 2 anos e dois meses, o que equivalente a quase 800 dias, apenas 97 Projetos de Lei (PLs), beirando 12,27% de produtividade parlamentar.

Em levantamento feito no site da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), O PODER teve acesso a  alguns dos PLs apresentados pelos parlamentares. Dentre eles, está um do deputado Dermilson Chagas que, em 22 de setembro de 2020, ainda na pandemia do novo coronavírus (Covid-19), pedia que fosse concedido o título de Cidadão do Amazonas ao cantor Uendel Pinheiro. O artista é oriundo da cidade Óbidos, interior do Pará.

Tais dados mostram que os deputados apresentaram 0,12 Projetos de Lei por dia, ou um projeto a cada 8/9 dias de trabalho. Frequentemente, Péricles, Dermilson e Wilker utilizam a tribuna do plenário Ruy Araújo, na ALEAM, para tecer críticas ao Governo do Amazonas.

Em fevereiro de 2019, o deputado Delegado Péricles apresentou PL que pedia a revogação da Lei n. 2.945, de 11 de março de 2005, que concedia o título de Cidadão do Amazonas ao ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Também em fevereiro de 2019, Wilker Barreto apresentou PL que pedia a obrigatoriedade de guias de turismo credenciados em exercusões de turismo no Estado do Amazonas.

Além disso, Dermilson Chagas pediu que fosse dispensável a exigência, pela administração pública estadual, direta, indireta e suas fundações, “de autenticação de cópia, em cartórios, de documentos pessoais”.

Somente o governador Wilson Lima, que não tem obrigação de legislar e sim de executar ações no Estado, já encaminhou à ALEAM, no mesmo período, 294 mensagens governamentais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Senadores Omar, Plínio e Braga votaram a favor da criação da CPI da Covid-19

AO VIVO | Saiba quais ministros do STF votaram contra a liberação de cultos e missas na pandemia

Roberto Cidade autorizou o gasto de mais de R$ 12 milhões com contratos na Aleam