Bastidores apontam Abraham Peixoto e Onilza Gerth como os novos desembargadores do TJAM

Fontes do site O PODER dão como certa a escolha dos dois magistrados do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), porém, os votos podem mudar até o último momento

Manaus | AM

Nesta terça-feira (11), o Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) escolhe dois novos juízes que irão compor a Corte, a partir dos critérios de Merecimento e Antiguidade. Fontes do site O PODER dão conta de que os novos desembargadores serão Abraham Peixoto (Merecimento) e Onilz Gerth (Antiguidade).

Além disso, o juiz Marco Antônio Pinto da Costa, filho do desembargador Djalma Martins da Costa, falecido no início de abril deste ano, em decorrência de complicações do novo coronavírus (Covid-19), desistiu de disputar a vaga de Merecimento.

Portanto, concorrem nesse processo: Mirza Telma de Oliveira Cunha, Cezar Luiz Bandiera, Henrique Veiga Lima, Cleonice Fernandes de Menezes Trigueiro, Paulo Fernando de Brito Feitoza, Rosselberto Himenes, Vicente de Oliveira Rocha Pinheiro e Roberto Santos Taketomi, lalém de Abraham Peixoto Campos Filho.

Apesar dos esforços, o juiz Cezar Luiz Bandiera, marido da desembargadora Graça Figueiredo, o juiz Roberto Santos Taketomi e a juíza Mirza Telma não devem conseguir votos necessários para compôr o Pleno de TJAM, apesar dos esforços.

Já para a vaga de Antiguidade, a favorita é Onilza Abreu Gerth, que já atua na Corte Estadual substituindo a desembargadora Encarnação Salgado, afastada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Concorrem com ela Mirza Telma de Oliveira Cunha, Cleonice Fernandes de Menezes Trigueiro, Rosselberto Himenes e Jaci Cavalcanti Gomes Atanázio.

Vale ressaltar que assim como toda e qualquer eleição, o resultado só é confirmado ao término da contagem dos votos. Mas os bastidores dão conta de que ambos serão eleitos, nesta terça-feira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Biden faz apelo por vacinação; EUA não devem cumprir meta

'Precisarão ser bem treinadas e bem qualificadas', diz Belarmino Lins sobre Guardas Municipais armadas

Câmara realiza sessão, na segunda-feira, para votar MP da Eletrobras