Após decisão de Rosa Weber, PGR pede abertura de inquérito para investigar Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro está envolvido em suposto caso de prevaricação cometido no caso da importação da vacina Covaxin

Manaus | AM

Após a ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negar pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para que não se desse trânsito à Petição (PET) 9760, que noticia suposto cometimento de prevaricação cometido pelo presidente Jair Bolsonaro no caso da importação da vacina Covaxin, a PGR pediu, nesta sexta-feira (2), a abertura de um inquérito no próprio STF para investigar o chefe do Executivo Federal.

Rosa Weber nega pedido da PGR para suspender notícia-crime contra Bolsonaro até fim da CPI da Pandemia

De acordo com o site ‘O Antagonista’, o presidente Jair Bolsonaro foi informado pelos irmãos Miranda sobre o caso e disse que iria “acionar a PF”, mas não se tem notícia de que ele tomou alguma providência.

Rosa Weber determinou a reabertura de vista dos autos à PGR, para que, dando oportunidade de nova manifestação nos limites de suas atribuições constitucionais, adote as providências que julgar cabíveis.

A polêmica em torno do assunto surgiu após Luis Ricardo Fernandes Miranda, servidor do Ministério da Saúde, e seu irmão, o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF), denunciarem possíveis irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin pelo Governo Federal.

Luis Ricardo Miranda relatou ao Ministério Público Federal (MPF) e à imprensa ter recebido pressões para acelerar o processo de compra da Covaxin, da empresa indiana Bharat Biotech.

A negociação está sob suspeita em razão do valor unitário das vacinas, considerado elevado, em torno de R$ 80, e da participação de uma empresa intermediária, a Precisa Medicamentos. Em entrevista ao jornal ‘O Globo’, Luis Ricardo disse ter alertado o presidente Jair Bolsonaro sobre as suspeitas. O governo nega qualquer irregularidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portaria transforma Palácio da Justiça em Museu do Judiciário e institui Selo Histórico TJAM

MPF no Amazonas prorroga regime integral de teletrabalho até 31 de agosto

Rosa Weber mantém Hugo Levy afastado do cargo de juiz do TJAM