Pré-candidato ao Senado, Raoni Lopes deixa PSOL Amazonas

O agora ex-psolista era secretário-geral da sigla

Manaus| AM

Raoni Lopes entregou o cargo de secretário-geral do PSOL no Amazonas e, com isso, deixou de ser pré-candidato ao Senado pelo partido, encerrando sua trajetória junto à sigla no estado. Ele escreveu uma carta anunciando a desfiliação, na última quarta-feira (20).

Nas redes sociais, o agora ex-psolista publicou agradecimento. “Obrigado, PSOL. A gente se encontra nas lutas”, diz a curta mensagem de despedida.

O diretório estadual confirmou o pedido de desfiliação de Raoni, mas não divulgou o conteúdo do documento e alegou, ainda, que a divulgação é restrita à direção, informou a presidente estadual do PSOL, Rosilane Almeida.

Raoni chegou a ser acusado de violência política de gênero dentro do partido, mas nega as acusações e declarou que só se manifestaria na Justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.